ACONTECE SOPESP

Home   /   Project   /   Reunião de apresentação dos trabalhos de atualização do Plano Mestre

Reunião de apresentação dos trabalhos de atualização do Plano Mestre

Uma ampla reunião, com a presença de representantes do Sopesp e da comunidade portuária de Santos, marcou a apresentação dos trabalhos de atualização do Plano Mestre dos portos brasileiros, entre os quais o Porto de Santos. O encontro aconteceu no dia 28 de março, no auditório do Terminal Marítimo de Passageiros Giusfredo Santini, da empresa Concais. A realização foi do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil.

O tema foi debatido durante o I Seminário sobre Planejamento Portuário na Baixada Santista, realizado pela primeira vez e com o objetivo de compartilhar e debater com a comunidade portuária e a sociedade em geral sobre os trabalhos para atualização do Plano Mestre dos portos.

O Diretor-executivo do Sopesp, José dos Santos Martins, falou sobre a importância do plano e sobre a expectativa da entidade a respeito de aspectos necessários à implantação do programa no Porto de Santos. O Conselho Diretor do Sopesp foi representado pelo 1° Vice-Presidente, João Batista de Almeida Neto, 2º Vice-Presidente, Joaquim Carlos Sepúlveda e os Membros da Diretoria, Eliézer Giroux e  Ricardo Molitzas. O Diretor-Executivo, José dos Santos Martins, o Gerente-Executivo, Thiago Benito Robles, a Dra. Gislaine Heredia, assessora jurídica do Sopesp, e Sergio Aquino, Presidente da FENOP também estavam presentes.

Participaram ainda o presidente da Codesp, Alex Oliva, diretores da empresa, operadores portuários, representantes da Autoridade Marítima, entre outros.

Segundo a Codesp, o Plano Mestre é um instrumento de planejamento que contém diagnóstico da situação atual do Porto de Santos, e tem o objeto de direcionar ações, melhorias e investimentos públicos e privados de curto, médio e longo prazos, tendo como base as projeções de demanda constantes do Plano Nacional de Logística Portuária, cujo horizonte de planejamento é 2042. O trabalho para formulação do Plano Mestre é resultado de parceria entre o Ministério dos Transportes e a Universidade Federal de Santa Catarina.