SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Doria afirma que se equivocou ao dizer que portos seriam privatizados em 2020 

Doria afirma que se equivocou ao dizer que portos seriam privatizados em 2020 


Fonte: A Tribuna (14 de janeiro de 2020 )
Doria afirma que se equivocou ao dizer que portos seriam privatizados em 2020 (Vanessa Rodrigues/ AT)

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou que se equivocou ao dizer que os portos de Santos e São Sebastião seriam privatizados em 2020. Segundo Doria, a expectativa é de privatização em 2021.

 

“Houve uma incorreção da minha parte”, afirmou o governador paulista. “Me referi que ao longo de 2020 estávamos na expectativa de privatização desses dois Portos. Mas nossa relação com o Ministério da Infraestrutura e com o ministro Tarcísio [Freitas, da Infraestrutura] é ótima”, completou.

 

Ele disse que não há contestação a fazer nem mesmo sobre a transmissão ao vivo do presidente da República, Jair Bolsonaro, em que ele criticou Doria e afirmou que haveria uma tentativa do governador de “colocar pressão” sobre o Governo Federal.

 

Doria destacou: “Eu telefonei ao ministro Tarcísio para me desculpar. Não foi pressão”.

 

O governador completou: “Embora aqui em São Paulo nós estejamos acelerando os processos de privatizações e PPPs”.

 

Doria destacou os resultados do estado em 2019, que ele considerou positivos, e os comparou com os do Governo Federal. Ele afirmou que o PIB estadual cresceu 2,6% no ano passado, de acordo com a Fundação Seade, ante crescimento de 0,9% do Brasil no período.

 

As declarações foram dadas em entrevista coletiva sobre a mudança da cobrança de ICMS em alguns setores do agronegócio.

 

Também estavam presentes na os secretários de Fazenda, Henrique Meirelles; de Agricultura, Gustavo Junqueira; e de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi.


Mais lidas


  O município de Balneário Barra do Sul, no litoral norte de Santa Catarina, poderá ganhar um empreendimento portuário vinculado a um complexo empresarial e de serviços. O empreendimento projetado – por ora é só isso, uma intenção – é denominado “Super porto BBS”. Dizem os investidores potenciais que o negócio poderá ocupar área de […]

Leia Mais

No dia 11 de junho, Data Magna da Marinha, a Comissão de Limites da Plataforma Continental (CLPC) publicou, em seu portal da Organização das Nações Unidas (ONU) na internet, recomendação na qual legitimou ao Brasil incorporar 170.000 km2 de área de Plataforma Continental, além da Zona Econômica Exclusiva.   O processo de estabelecimento do limite exterior […]

Leia Mais