SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   CMA-CGM: Regulamento IMO 2020 com baixo teor de enxofre

CMA-CGM: Regulamento IMO 2020 com baixo teor de enxofre


Fonte: CMA-CGM (14 de janeiro de 2020 )

O novo Regulamento da Organização Marítima Internacional (OMI) com baixo teor de enxofre entrará em vigor a partir de 1 de janeiro de 2020 e exigirá que todas as companhias de navegação reduzam suas emissões de enxofre em 85%.

 

O que você precisa saber sobre o IMO 2020?

Este novo regulamento visa reduzir o impacto ambiental da indústria e melhorar significativamente a qualidade do ar, uma iniciativa na qual o Grupo CMA CGM está envolvido há mais de 15 anos.

 

CMA CGM estará em total conformidade a partir de 1º de janeiro de 2020 e decidiu:

 

  • favorecer o uso de óleo combustível com muito baixo teor de enxofre (com 0,5% de enxofre) em sua frota;
  • E investir significativamente: usando Gás Natural Liquefeito para abastecer alguns de seus futuros navios porta-contêineres (20 navios até 2022, incluindo 9 navios de 23.000 TEUs), resultando principalmente em uma redução de 99% nas emissões de óxidos de enxofre e partículas finas,ordenando vários lavadores para seus navios.

 

Todas essas medidas representam um grande custo adicional. Esse custo será levado em consideração através da aplicação de sobretaxas de combustível, comércio a comércio.

 

  • Para contratos de curto prazo (validade de até 3 meses): Sobretaxa de baixo teor de enxofre – IMO 2020 (LSS) a partir de 1º de dezembro de 2019.
  • Para contratos de longo prazo (validade superior a 3 meses): Fórmula BAF baseada em VLSFO 0,5% a partir de 1º de janeiro de 2020.

 

 

O que isso significa para nossos clientes?

  • Todas essas medidas representam um grande custo adicional. Esse custo será levado em consideração através da aplicação de sobretaxas de combustível, comércio a comércio.
  • Para contratos de curto prazo (validade de até 3 meses): Sobretaxa de baixo teor de enxofre – IMO 2020 (LSS) a partir de 1º de dezembro de 2019.
  • Para contratos de longo prazo (validade superior a 3 meses): Fórmula BAF baseada em VLSFO 0,5% a partir de 1º de janeiro de 2020.

 


Mais lidas


  O município de Balneário Barra do Sul, no litoral norte de Santa Catarina, poderá ganhar um empreendimento portuário vinculado a um complexo empresarial e de serviços. O empreendimento projetado – por ora é só isso, uma intenção – é denominado “Super porto BBS”. Dizem os investidores potenciais que o negócio poderá ocupar área de […]

Leia Mais

No dia 11 de junho, Data Magna da Marinha, a Comissão de Limites da Plataforma Continental (CLPC) publicou, em seu portal da Organização das Nações Unidas (ONU) na internet, recomendação na qual legitimou ao Brasil incorporar 170.000 km2 de área de Plataforma Continental, além da Zona Econômica Exclusiva.   O processo de estabelecimento do limite exterior […]

Leia Mais