SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Gigante do mercado financeiro busca parceria em Santos para operações de café

Gigante do mercado financeiro busca parceria em Santos para operações de café


Fonte: A Tribuna (14 de novembro de 2019 )
Diretor executivo da Associação Comercial de Santos revelou parceria com instituição financeira (Divulgação/Museu do Café)

 

O Museu do Café, em Santos, recebeu, nesta quarta-feira (13), o seminário ‘A importância do café na preservação da história e desenvolvimento econômico do país’. O evento contou com a presença de diversas autoridades do setor e da Associação Comercial de Santos (ACS) para debater o papel do café na história e no presente, especialmente no Porto de Santos.

 

Com um público formado por atuantes em diferentes áreas do conhecimento como gastronomia, turismo e agronomia, o seminário teve o intuito de chamar a atenção para a exportação e tecnologia. A diretora executiva do Museu do Café, Alessandra Almeida, conta que esta é uma nova frente aberta pelo museu. “A gente já tem uma área de formação, mas queremos trazer docentes, principalmente da área de tecnologia do café. Isso atinge diretamente o propósito do museu que é falar do café, esse produto tão maravilhoso. Vamos fazer também um paralelo entre o café e a imigração”, explica.

 

Um dos palestrantes foi o jornalista e diretor executivo da ACS, Marcio Calves, que revelou que a empresa B3, uma das principais em infraestrutura de mercado financeiro no mundo, com atuação em ambiente de bolsa e de balcão, estaria em processo de fechar uma parceria com a ACS para passar operações relacionadas ao café para Santos.

 

Segundo Calves, a decisão traz grandes benefícios para a cidade e para o crescimento do Brasil no ramo. Ele ainda revelou que a parceria entre a ACS e a B3 tem previsão para sair em cerca de 20 dias.

 

A parceria é vista com bons olhos pelo mercado, de acordo com o diretor executivo, uma vez que 80% do café do mundo inteiro passa pelo Porto de Santos – isto é, cerca de 70 milhões de sacas – e a expectativa é de aumento para o ano que vem. No seminário, especialistas ainda discutiram se o país estaria pronto para receber o aumento no volume de transporte deste tipo de carga.

 

O palestrante também avaliou que a gestão do governo federal vem beneficiando as operações no Porto de Santos. “O porto passa por um bom momento. Hoje existe mais abertura para a exploração do canal do porto e dragagem. Agora com a privatização, a expectativa é de que as operações cresçam ainda mais”.

 

Apesar do otimismo, o diretor executivo da ACS afirma que, em questão de tecnologia, a exportação de café no Brasil precisa acelerar. “A tecnologia é fundamental para termos eficiência e velocidade de operação, que significa redução de custos, principalmente com produtos como o café”, ressalta.

 

Eduardo Carvalhaes, analista de mercado do café e diretor do Escritório Carvalhaes, uma das principais corretoras de café, pondera que o café é o quinto produto da balança do agronegócio e o que mais gera empregos até hoje, mesmo com a automatização dos serviços. Ele foi um dos palestrantes do seminário, e abordou a história do café e a contribuição da exportação para o crescimento da cidade.


Mais lidas


  O Sindicato dos Operadores Portuários do Estado de São Paulo também está patrocinando o Fórum Brasil Export e o Fórum Sudeste Export. Régis Prunzel, Presidente do Sopesp, está motivado com o evento e com as videoconferências que estão sendo realizadas: “Esses eventos virtuais têm antecipado e ampliado a qualidade e quantidade de discussões. Imagina […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

  O município de Balneário Barra do Sul, no litoral norte de Santa Catarina, poderá ganhar um empreendimento portuário vinculado a um complexo empresarial e de serviços. O empreendimento projetado – por ora é só isso, uma intenção – é denominado “Super porto BBS”. Dizem os investidores potenciais que o negócio poderá ocupar área de […]

Leia Mais