SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Estudo da Conab mostra perdas no transporte de grãos até os portos

Estudo da Conab mostra perdas no transporte de grãos até os portos


Fonte: Sindaport (7 de novembro de 2019 )
O Brasil perde no transporte de grãos das rodovias até os portos 0,13% do arroz, 0,17% do trigo e 0,10% do milho que exporta. Os dados são de pesquisa realizada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).
As perdas são causadas pelas más condições das rodovias, precariedade da frota de caminhões e imprudência de motoristas.
O estudo apurou também que o arroz, cuja maior produção nacional tem origem nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Tocantins, tem uma variação de 1,5 a 4% de perdas na armazenagem em silos.
Os pesquisadores destacaram, no entanto, a boa conservação sanitária dos grãos tanto nos segmentos de armazenagem quanto na industrialização e comercialização.
Já para o trigo, a apuração chegou a um índice médio mensal obtido de quebra técnica nos grãos, calculado por meio de amostragens, de 0,43% para silos de alvenaria e de 0,11% para os metálicos.
O estudo completo foi divulgado nesta terça-feira, 5, durante o Seminário sobre Eficiência e Redução de Perdas no Armazenamento e Transporte de Grãos no Brasil, em Curitiba.

Mais lidas


No dia 11 de junho, Data Magna da Marinha, a Comissão de Limites da Plataforma Continental (CLPC) publicou, em seu portal da Organização das Nações Unidas (ONU) na internet, recomendação na qual legitimou ao Brasil incorporar 170.000 km2 de área de Plataforma Continental, além da Zona Econômica Exclusiva.   O processo de estabelecimento do limite exterior […]

Leia Mais