SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   ANTAQ participa de visita técnica em Houston

ANTAQ participa de visita técnica em Houston


Fonte: ANTAQ (12 de setembro de 2019 )
O Porto de Houston é um dos mais importantes dos EUA. Fotos: Paulo Tavares/A Tribuna
Foto: Paulo Tavares

Os diretores da ANTAQ, Adalberto Tokarski e Francisval Mendes, visitaram, na terça-feira (10), o Porto de Houston, um dos complexos marítimos mais importante dos Estados Unidos. Tokarski e Mendes fazem parte da comitiva que realiza a visita técnica, que prosseguirá até quinta-feira (12). Em pauta, os planos de expansão de infraestrutura do complexo norte-americano para atender ao aumento na movimentação de cargas, suas estratégias comerciais, projetos de alta tecnologia e ações de sustentabilidade.

 

A viagem foi organizada com apoio do corpo consular dos Estados Unidos no Brasil, do Departamento de Comércio do Governo Americano e da Câmara de Comércio Brasil-Texas. Na comitiva, estão executivos de terminais portuários de Santos, de empresas do setor e companhias de dragagem.

 

Localizado na costa do Golfo do México, Houston é o principal porto dessa região dos Estados Unidos, respondendo por 69% do tráfego local de contêineres. Com mais de 200 terminais industriais públicos e privados, a instalação ocupa a sexta posição na operação de cargas conteinerizadas e a terceira colocação em tonelagem de mercadorias de comércio exterior do país.

 

“Está sendo importante conhecer a experiência de um porto estruturado e trocar ideias com seus dirigentes e usuários sobre gestão e regulação. Os Estados Unidos são uma referência, tanto no setor portuário, como de infraestrutura. E também em tecnologia, o que faz os compromissos em Austin bem estratégicos”, disse Tokarski.

 

Para Mendes, “conhecer melhor a realidade de complexos marítimos desenvolvidos, como Houston, traz uma possibilidade de levar o conhecimento obtido não só para a agência reguladora, mas para todos os regulados”.


Mais lidas


No dia 11 de junho, Data Magna da Marinha, a Comissão de Limites da Plataforma Continental (CLPC) publicou, em seu portal da Organização das Nações Unidas (ONU) na internet, recomendação na qual legitimou ao Brasil incorporar 170.000 km2 de área de Plataforma Continental, além da Zona Econômica Exclusiva.   O processo de estabelecimento do limite exterior […]

Leia Mais