SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Transformadores gigantes são descarregados em operação especial no Porto do Pecém

Transformadores gigantes são descarregados em operação especial no Porto do Pecém


Fonte: Portos e Navios (13 de agosto de 2019 )

Pela primeira vez equipamentos de grande porte foram descarregados no Porto do Pecém através de um navio porta-contêineres. Os dois transformadores de energia foram produzidos pela empresa WEG e embarcados no Porto de Imbituba, Santa Catarina.

 

Do porto catarinense ao Pecém, o navio conteineiro da linha regular de navegação Aliança levou oito dias para transportar os transformadores de 184,6 toneladas cada. Para que os equipamentos de grande porte fossem descarregados no porto cearense foi preparada uma operação especial, concluída na última sexta-feira (09/08).

 

De acordo com o Coordenador de Operações do Complexo Industrial e Portuário do Pecém – CIPP, José Alcântara, a escolha pelo modal marítimo foi adequado por representar o traslado mais rápido e com menor custo. “Por causa do grande porte dos equipamentos, se fosse feito via terrestre o deslocamento levaria cerca de 30 dias”, diz o coordenador.

 

Para que os transformadores fossem descarregados no berço 8 do Terminal de Múltiplas Utilidades – TMUT, foi utilizado um guindaste com capacidade de 500 toneladas, locado especialmente para viabilizar a operação coordenada pelo CIPP e executada pela APM Terminals, uma das operadoras que atuam no Porto do Pecém.

 

“Essa operação abre um leque de possibilidades para novas operações similares em navios porta-contêineres aqui no Porto do Pecém, mostrando sua capacidade e flexibilidade para atender  novas demandas. Agora os transformadores vão ficar armazenados e depois serão encaminhados via terrestre ao seu destino final”, diz o Diretor-Executivo de Operações do Complexo Industrial e Portuário do Pecém – CIPP, Waldir Sampaio. Os dois transformadores passarão a compor um parque eólico instalado na Serra do Mel, no Rio Grande do Norte.


Mais lidas


No dia 11 de junho, Data Magna da Marinha, a Comissão de Limites da Plataforma Continental (CLPC) publicou, em seu portal da Organização das Nações Unidas (ONU) na internet, recomendação na qual legitimou ao Brasil incorporar 170.000 km2 de área de Plataforma Continental, além da Zona Econômica Exclusiva.   O processo de estabelecimento do limite exterior […]

Leia Mais