SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Maersk planeja acelerar crescimento por meio de integração com APM Terminals

Maersk planeja acelerar crescimento por meio de integração com APM Terminals


Fonte: Portos e Navios (17 de maio de 2019 )

A partir do próximo dia 1º de agosto, os Serviços de Transporte Interno (Inland Services) da APM Terminals serão integrados com a parte de Logística e Serviços da Maersk, oferecendo aos clientes acesso contínuo a uma ampla variedade de ofertas terrestres. Este é um passo que a Maersk atinge para a implementação de estratégia que oferece mais soluções de ponta a ponta a todos os clientes.

 

O portfólio da Inland Services possui uma rede ampla de terminais terrestres ao redor do mundo, consistindo em 36 unidades de negócios, em mais de 100 localidades. No Brasil, a Inland Services está presente em cinco terminais terrestres, além de dez países na América Latina.

 

Ao reunir todas as habilidades e capacidades de operações dentro da logística, é criada uma base para o crescimento, permitindo que a Maersk seja excelente na execução de produtos de Logística e Serviços.

 

“A APM Terminals pode se concentrar totalmente em se tornar uma operadora portuária de classe mundial. Enquanto isso, a Maersk continuará a se concentrar no transporte marítimo, mas também no desenvolvimento e na entrega de produtos e serviços de logística”, afirma Søren Toft, COO da A.P. Moller – Maersk. E continua:

 

“Ao adicionar estruturalmente a Inland Services à Maersk, os clientes terão acesso ininterrupto a uma gama mais ampla de ofertas de serviços e logística. Isso coloca a Maersk em uma posição ainda melhor para diferenciar sua oferta e escalar o seu portfólio para uma base de clientes ainda mais ampla”.

 

A APM Terminals continuará atendendo clientes das linhas marítimas e terrestres com serviços dentro e ao redor das instalações portuárias, como armazenamento tradicional e manuseio de terminais, bem como serviços recém-desenvolvidos, como fast-gates, para maximizar a eficiência dos terminais. Ao mesmo tempo em que se concentra em sua principal oferta, a APM Terminals também continua colaborando com a Maersk para clientes que buscam soluções de ponta a ponta.

 

“Essa integração permite que tanto a APM Terminals, quanto a Maersk, reduzam a complexidade e eliminem sobreposições de serviços, para que ambas as marcas possam se concentrar em suas forças e proporcionar maior valor e melhor experiência aos clientes”, diz Morten Engelstoft, CEO da APM Terminals.

 

Atualmente, a Inland Services oferece um conjunto de soluções para clientes da linha de navegação e também da rede terrestre. Falando em navegação, os clientes possuem ofertas de centros de serviços fluviais em torno de depósitos, manutenção e reparo de equipamentos de contêineres e transporte. Já para os terrestres, os serviços apoiam a integração das cadeias de suprimentos dos clientes, por meio de soluções de transportes, centro de frete de contêiner e armazéns, depósitos, além de ambientes de manuseio e armazenamento com temperatura controlada.

 

Finalmente, Lars Ostergaard Nielsen, diretor regional da Maersk na América Latina, mencionou:

 

“Na América Latina, estamos muito animados com este anúncio. Nossos excelentes colegas da APM Terminals desenvolveram, ao longo dos anos, muitos produtos e serviços fantásticos pela região. Cobrindo uma rede de mais de 35 locais em dez países somente na América Latina, estaremos ainda melhor posicionados para atender à crescente demanda por serviços de ponta a ponta de nossos clientes”.


Mais lidas


No dia 11 de junho, Data Magna da Marinha, a Comissão de Limites da Plataforma Continental (CLPC) publicou, em seu portal da Organização das Nações Unidas (ONU) na internet, recomendação na qual legitimou ao Brasil incorporar 170.000 km2 de área de Plataforma Continental, além da Zona Econômica Exclusiva.   O processo de estabelecimento do limite exterior […]

Leia Mais