SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Rumo promove ações de inovação no setor ferroviário

Rumo promove ações de inovação no setor ferroviário


Fonte: SEGS (15 de maio de 2019 )

Com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento do agronegócio e da indústria brasileira, a Rumo, maior operadora de ferrovias do país, está desenvolvendo uma série de ações conjuntas de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) no transporte de cargas. Liderada pela área de Inovação e Tecnologia, as iniciativas buscam soluções e projeções para aumentar a eficiência e a competividade da operação ferroviária.

 

Em parceria com o SENAI, a empresa promoveu na semana passada, uma oficina de trabalho com representantes e especialistas da área para traçar o panorama da ferrovia até 2040. Realizado na sede do Sistema FIEP (Federação das Indústrias do Paraná), em Curitiba (PR), as discussões e resultados do encontro serão utilizados para estruturar um roadmap com os desafios e oportunidades do setor.

 

“Projetos como esse são fundamentais para discutir tecnologias disruptivas em um ambiente tão controlado como o setor ferroviário”, destaca Roberto Rubio Potzmann, diretor de Tecnologia da Rumo. “É uma ação com visão de futuro. Analisamos diversos aspectos da cadeia produtiva e estudamos várias possibilidades para tornar mais competitivo o modal ferroviário”, acrescenta.

 

De acordo com o diretor do Senai Paraná, José Antônio Fares, trata-se de um modelo de negócio científico. “São projeções que falam da transformação e das oportunidades tecnológicas. É um processo que vai contribuir para as próximas gerações”, afirma.

 

Inovação na prática

A Rumo celebrou no dia 7 de maio um ano do ciclo de atividades no Distrito Spark CWB. O hub liderado pela Companhia, ao lado do Conglomerado Financeiro Barigui e Bosch, já se tornou a principal referência na capital paranaense para o relacionamento com o ecossistema de inovação e incentivo a projetos de startups, institutos de pesquisa aplicada, universidades e outras instituições.

 

Grande proponente de iniciativas que possam otimizar a operação ferroviária, a concessionária está estreitando parcerias com empresas emergentes no setor tecnológico. “Com a dinâmica de experimentar, falhar, aprender e repetir, as startups conseguem propor soluções que geram ganhos de produtividade e redução de custos”, explica Lucas Tomas, gerente de Inovação da Rumo.

 

Para a execução destas atividades, a Rumo promove as chamadas Provas de Conceito (POC). No primeiro ano de projetos no Distrito, a empresa realizou duas POCs com as startups 4vants e Senscar. A primeira, consistiu em testes de aero inspeção dos trilhos e da faixa de domínio, enquanto a segunda é focada no desenvolvimento de sensores que monitoram os padrões de segurança do condutor do veículo.

 

Sobre a Rumo

A Rumo é a maior operadora de ferrovias do Brasil e oferece serviços logísticos de transporte ferroviário, elevação portuária e armazenagem. A companhia opera 12 terminais de transbordo, 6 terminais portuários e administra mais de 12 mil km de ferrovias nos estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. A base de ativos é formada por 1.000 locomotivas e 25.000 vagões.


Mais lidas


  A reunião contou com a participação de representantes da ACS (Associação Comercial de Santos), CAP (Conselho de Autoridade Portuária), FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), CONSAD (Conselho de Administração da CODESP), ABTTC (Associação Brasileira dos Terminais Retroportuários e das Transportadoras de Contêineres), SINDSAN (Sindicato das Empresas de Transporte Comercial de Carga do Litoral […]

Leia Mais