SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Nossos deputados: quais serão as suas prioridades?

Nossos deputados: quais serão as suas prioridades?


Fonte: Diário do Litoral (3 de janeiro de 2019 )

O ano de 2019 começa com um novo cenário político federal e estadual. Seis deputados da região foram eleitos. A reportagem do Diário do Litoral preparou entrevistas especiais com estes novos representantes da Assembleia Legislativa e Câmara Federal.

 

A jornalista e deputada federal eleita Rosana Valle (PSB) tem como uma de suas prioridades estimular o “olhar metropolitano” e diz que irá se empenhar para promover o entendimento entre as prefeituras.  Ela frisa como questões regionais que precisam ser resolvidas o déficit habitacional, a destinação do lixo, as deficiências no atendimento de saúde, a falta de segurança e o desenvolvimento turístico.

 

Fazendo sua estreia na Câmara Federal, Júnior Bozzella (PSL) não acredita que terá dificuldades em atuar em Brasília. Ele considera que a experiência adquirida como secretário municipal em São Vicente, vereador e na superintendência da Funasa, no Estado de São Paulo, vai ajudá-lo no novo desafio. Bozzella garante que não está focado em defender um segmento X ou Y e, sim, em atender o que a população de cada município paulista realmente precisa.

 

Além dos dois deputados federais, foram eleitos quatro deputados estaduais da região: Paulo Corrêa Jr (PATRI), Kenny Mendes (PP), Caio França (PSB) e Tenente Coimbra (PSL).

 

Paulo Corrêa Jr foi reeleito com o maior número de votos pelo Patriotas na Baixada Santista. Para ele, a descentralização do Porto de Santos e a regulamentação da travessia de balsas são prioridades que pretende concluir em 2019, já que são questões trabalhadas desde o mandato passado. Quanto à demanda metropolitana, Corrêa afirma que irá fechar as extensões de gabinete instaladas em São Vicente e Cubatão para trabalhar em uma sede itinerante.

 

O deputado estadual Kenny Mendes (PP) já adiantou que serão prioridades de seu mandato a mobilidade urbana e o transporte. Ele pretende cobrar do futuro governador João Doria (PSDB) celeridade no processo da ligação seca Santos-Guarujá.  O Professor Kenny defende ainda que o serviço de travessia de balsas Santos-Guarujá seja explorado por mais empresas, e a implantação do transporte ferroviário de passageiros que poderá favorecer até 18 mil pessoas que se locomovem em ônibus fretados da Baixada Santista para a capital.

 

Reeleito com 162.166 votos, Caio França garante que seguirá priorizando a saúde, a educação e a segurança no próximo mandato. Dentre as propostas está o apoio às pautas dos servidores públicos e a luta para tirar do papel projetos essenciais para a mobilidade urbana da região: a segunda fase do Veículo Leves sobre Trilhos (VLT) e a construção, enfim, da ponte ligado Santos e Guarujá.

 

Eleito pela primeira vez, Tenente Coimbra tem como prioridade a segurança. Ele é o único deputado estadual que nunca atuou em outro cargo do governo. No entanto, se considera preparado e acredita que a Assembleia está precisando de ‘renovação’ e de pessoas que não pensem em “carreira política”, mas sim em “fazer as mudanças necessárias”.


Mais lidas


  A reunião contou com a participação de representantes da ACS (Associação Comercial de Santos), CAP (Conselho de Autoridade Portuária), FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), CONSAD (Conselho de Administração da CODESP), ABTTC (Associação Brasileira dos Terminais Retroportuários e das Transportadoras de Contêineres), SINDSAN (Sindicato das Empresas de Transporte Comercial de Carga do Litoral […]

Leia Mais